Bolsonaro ataca Haddad e diz que o PT quebrou o país de tanto roubar

Resultado de imagem para Bolsonaro e HaddadBRASÍLIA - Ainda em clima de campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro publicou em seu Twitter textos atacando Fernando Haddad, adversário derrotado por ele no segundo turno, e o PT. Bolsonaro chamou Haddad de "fantoche do presidiário corrupto", em referência ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e disse que o PT quebrou o Brasil. As postagens foram feitas para rebater um texto que Haddad publicou em suas redes sociais de um jornalista alemão afirmando que "está na moda um anti-intelectualismo no Brasil". Indagado pelo GLOBO sobre os ataques, o petista disse que não segue Bolsonaro na rede social e que o presidente o confundiu com o jornalista.

"Haddad, o fantoche do presidiário corrupto, escreve que está na moda um anti-intelectualismo no Brasil. A verdade é que o marmita, como todo petista, fica inventando motivos para a derrota vergonhosa que sofreram nas eleições, mesmo com campanha mais de 30 milhões mais cara", publicou Bolsonaro.

O Globo